Total de visualizações de página

terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

CENTRAL DO BRASIL

Nesta foto vemos os novos prédios da Estrada de Ferro e do Ministério da Guerra em construção, convivendo ainda com os respectivos antigos prédios.


Hoje temos duas fotos da área da Central do Brasil, onde vemos a coexistência da antiga estação com o novo prédio sendo construído.
 
OBS: A foto inferior está dividida em duas: vemos, à direita, o novo edifício da estação principal da Estrada de Ferro Central do Brasil, inaugurado em 1943, e, à esquerda, a antiga estação do século XIX à frente do novo edifício, ainda sem o relógio.
 
Inaugurada em 1858, a linha Estrada de Ferro Central do Brasil tinha estação final a “Estação do Campo”. Teve seu nome alterado para Estação da Corte e após Estação Dom Pedro II.
 
A antiga construção foi reformada no início do século XX e todos achavam que pararia por ali, nada seria mudado. Entretanto para haver a expansão do sistema ferroviário, bem como a passagem da Avenida Presidente Vargas
 
A antiga estação ficou de pé até o término da construção do novo prédio. Ela já não conseguia atender as exigências do desenvolvimento da cidade, ainda mais quando o transporte ferroviário estava no auge.
 
Quando foi inaugurado no governo de Getúlio Vargas, o novo prédio em estilo art-déco era o mais alto da América do Sul, com 135 metros de altura e a maior construção de concreto armado do mundo e passou a abrigar um relógio maior que o famoso Big Bem, da Elizabeth Tower, em Londres.

22 comentários:

  1. Bom dia. A presidente Vargas e o prédio da Central do Brasil foram obras que deixaram a marca de Getúlio Vargas. A Estrada de Ferro Central do Brasil sempre foi uma referência no transporte de passageiros e de cargas, primando pela eficiência e pela pontualidade e a sua sede não poderia apresentar aspecto que não o de pujança aliado à funcionalidade. Infelizmente o transporte ferroviário de passageiros foi extinto no Brasil {exceto trens suburbanos} graças ao "rodoviarismo", que aliado ao conluio criminoso entre o poder público e as empresas de ônibus, fizeram desse majestoso prédio uma pálida sombra do que foi no passado.

    ResponderExcluir
  2. Bom dia a todos. Esta fotografia é um marco histórico da transformação da Av. Pres. Vargas. Podemos ver as construções mais importantes da avenida logo após a sua conclusão, em fase de construção com a construção antiga a sua frente.

    ResponderExcluir
  3. Vivendo e aprendendo.Não tinha idéia destas etapas do prédio da Central do Brasil.A foto inferior é ótima.
    FF;Grande Vix ainda praticamente parada.Onibus não estão circulando e o comércio deve permanecer fechado mais um dia.Ontem o Exército foi para a rua mas permanece a sensação de insegurança....O reforço parece que chega hoje.Cáos...

    ResponderExcluir
  4. Quando garoto lembro que havia uma espécie de "pegadinha" que era perguntar qual o maior relógio de quatro faces do mundo. Normalmente alguém se apressava em dizer que era o inglês Big Ben, na verdade nome de um sino. Quando se dizia que era o da Central do Brasil o ceticismo era imediato. E na base da Rádio Relógio o indagador ainda arrematava: "Você...sabia?".

    Entretanto, a partir de agosto de 2010 essa hegemonia passou para o relógio na cidade sagrada de Meca que hoje possui o maior do planeta. Enquanto no da Central cada face tem a altura de 10 ms. no de Meca tem 43 ms., instalado em uma torre de 601 ms..

    Vocês...sabiam?

    ResponderExcluir
  5. Cronista Carnavalesco7 de fevereiro de 2017 09:52

    E a folia começou em Niterói: http://odia.ig.com.br/rio-de-janeiro/2017-02-06/video-mostra-briga-durante-bloco-em-niteroi.html

    ResponderExcluir
  6. Há alguma explicação para antiga estação estar em ângulo com o quartel?

    ResponderExcluir
  7. Bom dia.Impressionante a proporção da antiga e da nova estação,mas sem o charme da estação General Dutra em Niterói.Pequena,funcional, e de linhas bem harmônicas,General Dutra foi um ícone na arquitetura ferroviária.O local hoje em dia é limpo,conservado,e sem moradores de rua.Já a Central dispensa comentários...

    ResponderExcluir
  8. Bom dia a todos.
    Bela fotografia.
    Interessante notar as duas construções, sejam do Comando Militar do Leste e da Central do Brasil.
    O do CML lembra aqueles edifícios da extinta União Soviética. Já o da Central, lembra aqueles edifícios norte americano.

    ResponderExcluir
  9. Bom dia a todos.

    Sempre imaginei que as duas construções pudessem ter coexistido mais tempo, chegando aos dias de hoje.

    FF: o pastor virou correspondente de guerra. Apesar de que a ameaça da polícia por aqui é parecida para os próximos dias.

    ResponderExcluir
  10. Augusto,não está me restando outra alternativa.Infelizmente.Já está tudo entabulado para o rastilho chegar ao Rio.Aqui não está sendo fácil....

    ResponderExcluir
  11. Sobre o que perguntou o Observador Curioso, acho difícil encontrar a resposta, já que o projeto era de meados do século 19. Mas podemos especular: talvez para ganhar mais alguns metros das várias linhas férreas em ramais para embarque e desembarque. O Governo Vargas deve ter demolido bastante prédios nas laterais para encurtar essas linhas, aumentando a quantidade delas.

    ResponderExcluir
  12. Já viajei muito nos Estados Unidos e na Europa de trem. É um transporte confiável, relativamente barato, bom de ir de uma cidade a outra. É lamentável que aqui no Brasil, um país continental, a opção pelo transporte rodoviário tenha sido feita.
    Talvez a antiga estação ferroviária pudesse ter sido transformada em museu. Mas haja vista o que aconteceu com a Leopoldina seria esperar demais de nossos governantes.

    ResponderExcluir
  13. O relógio da Central foi fabricado pela IBM e até hoje é o maior do mundo de quatro faces.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é mais, Gustavo. O de Meca tem quatro faces e é bem maior. Veja a matéria: http://oglobo.globo.com/mundo/maior-relogio-do-mundo-ativado-em-meca-2967409 Fotos: http://www.bing.com/images/search?q=fotos+do+rel%c3%b3gio+de+meca&qpvt=fotos+do+rel%c3%b3gio+de+meca&qpvt=fotos+do+rel%c3%b3gio+de+meca&qpvt=fotos+do+rel%c3%b3gio+de+meca&FORM=IGRE

      Excluir
  14. Boa tarde ! Super-interessantes essas fotos ! Não as vi em lugar algum, a não ser aqui nos foto-logs/blogs.
    Também sempre me intrigou o fato de a antiga principal estação terminal de trens da cidade ficar inclinada em relação à Av.Presidente Vargas...
    O nome de "Estação do Campo" seria alusão ao Campo de Santana ? Tudo indica que sim...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A antiga estação não ficava de frente para a Av. Presidente Vargas, porque ela não existia. A nova estação é que foi feita de frente para a nova avenida. Os trilhos saíam do fundo da antiga estação, hoje saem de lado.

      Excluir
    2. É, mas a estação ficava num ângulo de 45 graus com tudo que existia antes, como o colégio Rivadávia Correia p.ex.
      A razão desta inclinação como falou o P.roberto deve ser alguma demanda no assentamento dos trilhos.

      Excluir
  15. Boa Tarde ! Da vez anterior, mesmo sendo jovem,escolhi o lado certo. E desta vez ? Talvez navegar seja preciso.

    ResponderExcluir
  16. Fotos muto interessantes.pena que o sistema ferroviário tenha sido sucateado por vários governos. O exercito precisava ou precisa de um prédio tão grande?

    ResponderExcluir
  17. Esse conjunto arquitetônico é interessante e combina um com o outro, ainda que o da Central do Brasil seja mais suave e menos pesado! Acho a estação bonita, ampla, arejada! Há poucos dias ouvi uma reportagem que ela seria uma réplica de uma estação da Europa, salvo engano! Procurei agora alguma referência a isso e não encontrei!

    E com a estação 2 do VLT recém inaugurada ontem, ficará mais fácil ainda esse deslocamento para os muitos usuários, a única que ainda não está funcionando é a Central, segundo informações colhidas!

    Prefiro votar no Lula a ter que sentar em uma cadeirinha, equipamento de segurança e consertar os ponteiros quando necessário, ou proceder alguma manutenção láaaa em cimaaaaa!

    E ainda encontra-se uma gruta em homenagem a Sant'anna, no interior da gare'" Seria a original, que permaneceu quando a Igreja de mesmo nome era neste local, antes de mudar-se para a Rua Sant'anna, não longe dali?

    ResponderExcluir
  18. A estação do VLT da Central não está funcionando devido à presença de traficantes, crackudos, menores de rua, etc. A prefeitura está protelando a referida estação sem entretanto marcar uma data. O Globo mencionou em nota o mês de Julho. Vamos aguardar...

    ResponderExcluir